O acidente de Belitung…

Quis a sorte, o destino ou o mero acaso que viéssemos para Belitung Timur, na Indonésia, procurar abrigo para reparamos a nossa casa nómada. Mais uma vez este lar flutuante necessitou de peças especificas e profissionais especializados e nós, atolados numa pequena ilha equatorial… com uma grande frota pesqueira, mas sem veleiros e motores de três cilindros, como o nosso…

O cenário era paradisíaco, mas o sentimento era de desolamento, descrença, frustração, tristeza… E tal como uma baleia que vem dar á praia, também nós atraímos uma multidão curiosa e amável que veio fotografar e oferecer ajuda. E nós aceitamos!… Apareceu-nos o Dedi, um polícia de 31 anos, que de sorriso aberto nos disse que nos ia ajudar e que tudo se ia resolver. E nós, quisemos acreditar!

O Dedi trocou os turnos no trabalho para a noite de forma a ter mais disponibilidade para nós durante o dia. Alugou um carro maior para nos levar e à sua família a jantar fora. Convidou-nos para tomar banho na sua casa. Levou-nos ao supermercado, à imigração, a roupa á lavandaria, as crianças a passear e por duas vezes à capital, que ficava a uma hora de carro dali. Chamou mecânicos e eletricistas. Trouxe-nos a preciosa água. E quando nos via esmorecidos dava-nos o ânimo com um sorridente “Keep on smiling!” e quando exaustos fraquejávamos, ele relembrava “Never give up!!”. Quanta generosidade e amizade recebemos do Dedi e da sua incrível família – jamais vos esqueceremos!

E as crianças, lindas e alegres, que vinham em jangadas de esferovite chamar a Beny e o Leonardo para brincar? Faziam a festa e ainda me perguntavam se eu queria ajuda. Faziam-me sorrir e isso já ajudava muitissimo!…

Gente linda, gente simples com orgulho da natureza intacta da sua ilha. Aproveitam-na, respeitam-na, conhecem-lhe o valor e, apesar de dizerem que a vida ali não e fácil, não querem viver noutro lugar. O Governo quer autorizar a exploração mineira na costa da ilha e eles, nem com a promessa de empregos lhes dizem que sim. Quanta sabedoria revelam, quanto bem-estar refletem!

Paramos em Belitung e agora agradecemos por isso, ali o inacreditável aconteceu, numa semana o barco ficou pronto. Uma semana dura, que nos fez mais fortes e ensinou o quanto é importante não desistir, não desesperar e sorrir sempre e sem medida. Deram-nos tanto e nós mal pudemos retribuir. Teremos com certeza oportunidade de orientar este tanto-de-bom para outros destinatários, deixando fluir a energia boa, praticando os valores que todos admiramos!

E tal como estas fotos apenas conseguem mostrar um pouco da beleza desta ilha, também as minhas palavras ficarão aquém na descrição da generosidade com que fomos recebidos e da gratidão que para sempre sentiremos pelas pessoas que conhecemos em Belitung!

 

Obrigada Dedi e família!

Obrigada Gunawan, Casimir, Igoen e companheiros!

Obrigada gente linda de Manggar!!

11 Comments on “O acidente de Belitung…

  1. É absolutamente maravilhoso acompanhar-vos, ler-vos, ver-vos, sentir-vos…

    • Muito obrigada, fico mesmo contente de despertar um sentimento tâo bom! Beijinhos e ate um dia!

  2. Olá Joana e Família.
    Parabéns por este brilhante testemunho de gratidão, essa qualidade tão rara nos tempos que correm. Que experiência fantástica a vossa! Que grandiosa lição de vida que a Beny e o Leonardo estão a ter! Continuem assim!
    Boa viagem!
    Dores (mulher do Pinho)

  3. Hi from Velella
    Wish you could add an English translation!
    Happy to see you are travelling.
    Regards
    Helane and Peter

    • Hello my dear friends!! I hope google can translate it for you… its difficult for me to translate everything -it would be a full time job!! in facebook i will write in english from now on! hope you are fine and to write about you soon!! hugs and kisses

  4. Que belo texto!
    A sensibilidade de suas palavras expressa bem o carinho que receberam.
    Fotos lindas!
    É muito bom ler notícias de vocês.
    Beijinhos do Brasil.
    Sandra Salles e família

    • Obrigada Sandra, o Armindo fala-me muito de si, espero um dia conhece-la!! 🙂 beijinhos

  5. Maravilhoso…
    Parabéns e continuem essa fabulosa jornada em família e a criar verdadeiros cidadãos do mundo.
    Tudo de Bom!
    João Filipe Anjos

  6. Fantástico. Saudades e continuação de uma boa viagem. Abraço.

  7. Nós não temos noção do que realmente existe por este mundo fora.
    A bondade das pessoas a cada esquina. E sem dúvida, “quem menos tem é quem mais dá!!”
    Venho a acompanhar o seu blog desde o inicio. E adoro cada vez mais. Bom regresso a casa. xoxo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.